Pinacoteca de São Paulo: visita virtual e aprender português!

por The Language Club / quinta-feira, 20 agosto 2020 / Publicado em Língua e Cultura

Vamos conhecer um dos mais importantes museus do Brasil? Quando visitamos um museu conhecemos a história, a culura de uma região, de um país. Se você estuda português, visite museus quando vier ao Brasil! Será uma boa oportunidade de conhecer o país e enriquecer seu vocabulário! Você já visitou a Pinacoteca de São Paulo? O prédio onde está localizada a Pinacoteca faz parte do conjunto arquitetônico do Jardim da Luz, ele foi fundado em 1905 e é o mais antigo museu da cidade de São Paulo. Se você ainda não visitou a oportunidade é agora! Vamos conhecer um dos maiores acervos de arte brasileira dos séculos XIX e XX, além de trabalhos de artistas estrangeiros atuantes no país. Há ainda a coleção Nemirovsky, com várias obras primas do modernismo brasileiro. O prédio é belíssimo e está ao lado da Estação da Luz, outro lugar que merece visita. Lá está o Museu da Língua Portuguesa que provavelmente reabrirá pós pandemia. Se você quiser conhecer o museu, acesse AQUI para a visita virtual! Nessa visita você percorrerá literalmente os corredores do museu e terá a sensação de estar lá. A plataforma te lança à percepção das esculturas, dos salões e ambientes da Pina, como a Pinacoteca é conhecida pelos paulistas. Na foto uma das várias esculturas presentes nas dependências da Pina. Esta, de Alfredo Ceschiatti, tem o nome de Guanabara e está no vão central da edificação. Durante a visita, além de conhecer quadros, esculturas e outros objetos, você será convidado a conhecer mais detalhadamente algumas obras e interagir na plataforma com perguntas, vídeos e outros links para conhecer mais sobre um determinado artista. Visita virtual a um museu brasileiro tão importante como a Pina é conhecer a nossa história das Artes! Na foto, escultura do artista Alfredo Ceschiatti (1918-1989), mineiro de Belo Horizonte e um dos grandes escultores brasileiros. Seus trabalhos estão em praças de São Paulo, em Brasília e em coleções particulares de grandes colecionadores de Arte Brasileira.

TOPO